PRESÉPIO NATALINO

PRESÉPIO NATALINO

presepio

Estamos na semana do natal, uma das datas mais esperadas e comemoradas por todas as pessoas, independente de idade e gênero. Todos esperam ansiosos a chegada desta data tão especial, para reunir toda a família e trocar os presentes após a chegada do bom velhinho.  

A decoração natalina muitas vezes é o que mais chama a nossa atenção nesta data, pelo fato de que as casas, empresas, ruas e vários locais, principalmente o comércio ficam completamente transformados, de forma que tudo se torna muito mais atrativo e bonito, pela decoração que é utilizada.  

Um dos itens de grande importância e que não podem faltar na decoração de natal, é o presépio. Muitas pessoas utilizam apenas como um símbolo de natal, sem muitas vezes saber qual o seu verdadeiro significado.  E para que você saiba o que de fato é um presépio e porque deve ser utilizado, fique com a gente, e confira mais este post especial de natal.  

 

O que é um presépio?

 

O presépio é na verdade designado como um local onde pode ser recolhido o gado de uma determinada propriedade, sendo muito utilizado em diversos locais. Mas possui um significado diferente para as pessoas e especialmente para os cristãos, uma vez que este local singelo é uma grande referência para o nascimento de Cristo.

Não é difícil de encontrar um presépio nas lojas e de forma ainda mais especial nesta época natalina, onde todos procuram os itens necessários para enfeitar a sua casa para celebrar esta data. Inclusive a Sete Embalagens possui lindos modelos de presépio para que você possa adquirir aquele que mais combina com o seu gosto e também com o local onde poderá ser utilizado.  

Este item é composto por diversas peças, que podem ser encontradas com diversas variações de material, sendo muito utilizado para proporcionar uma representação do momento em que aconteceu o nascimento de Cristo. O menino Jesus pode ser encontrado no centro deitado em uma manjedoura, com os pais envolta e os magos que chegaram para presentear o menino Jesus.  

 

Origem do presépio

 

Os dados históricos nos apresentam a data de 1223, onde foi montado o primeiro presépio pelas mãos de São Francisco de Assis, em uma comemoração natalina.  Este primeiro conjunto de peças foi montado com a utilização de argila, na floresta de Greccio – comuna italiana na região do Lácio.  O  presépio foi fabricado desta forma, pois o frade desejava explicar para as pessoas da comunidade, de uma forma simples e fácil de ser entendida, qual é o verdadeiro significado do natal para os Cristãos e como aconteceu o nascimento de Cristo.  

As peças principais foram:

– Menino Jesus (filho de Deus e o Salvador)

– Virgem Maria (mãe de Jesus Cristo)

 – José (pai de Jesus Cristo)

 – Manjedoura com palhas em um curral (local onde nasceu Jesus)

 – Burro e Boi ou ovelhas (animais do curral representam a simplicidade do local onde Jesus nasceu)

 – Anjos (responsáveis por anunciar a chegada de Jesus)

 – Estrela de Belém (orientou os reis Magos quando Jesus nasceu)

 – Pastores (representam a simplicidade das pessoas do local em que Jesus nasceu)

 – Reis magos (Melquior, Baltazar e Gaspar).

O presépio é um dos símbolos mais importantes nos lares cristãos e é muito utilizado nesta época do ano, para que seja possível lembrar como aconteceu o nascimento do menino Deus. Geralmente são os lares cristão que utilizam, mas pode ser encontrado em outros estabelecimentos e até mesmo em locais públicos.  

Desde o ano que São Francisco iniciou esta prática, foi repetido ano a ano em diversos lares, de modo que se tornou uma verdadeira tradição natalina, sendo hoje um dos itens que não podem faltar na decoração, para celebrar esta data tão linda e importante.   

Presépio de natal em Curitiba

A Sete Embalagens atua no mercado desde 1994. A empresa oferece produtos de qualidade e garantia. Atua no ramo de embalagens descartáveis e presenteáveis. Preocupamo-nos com o bem-estar e a satisfação de nossos clientes. Para mais informações, ligue: (41) 3263-4621 ou acesse nosso site: www.seteembalagem.com.br.

Os comentários estão encerrados.